Nacho Ormachea é um diretor de arte espanhol que mora em Paris e desenvolve vários projetos bem bacanas. E ele tem um site, chamado fofamente de Le carnet noir, onde mostra seus projetos pessoais, como esse que eu adorei, o Street Memories. Muito bacana né?

Fiquei achando que tem muito das questões relacionadas ao individualismo contemporâneo, fiquei achando que, poeticamente, propõe que a gente aceite que cada um é um mundo e o nosso olhar sobre as coisas não tem nada de verdade absoluta, é só uma abstração que se torna (nossa) realidade a partir da (nossa) memória, cultura etc. Ai, antropologizei tudo (saudade!).

Se quiser colocar na parede, tem, a lojinha aqui😉